Sindicato mobiliza funcionários do BB da Av. Bandeirantes

Dirigentes do Sindicato orientaram os funcionários a refletir bem antes de aderir ao novo plano de demissões incentivadas do BB Dirigentes do Sindicato orientaram os funcionários a refletir bem antes de aderir ao novo plano de demissões incentivadas do BB
terça-feira, 12/12/2017

Na atividade também foram recolhidos apoios ao documento que pede suspensão do fechamento de agências

Dando prosseguimento à luta contra o desmonte dos bancos públicos, o Sindicato de Londrina se reuniu nesta terça-feira (12/12) com funcionários e funcionárias da agência do Banco do Brasil localizada na Avenida Bandeirantes.

Na ocasião foi abordada a nova fase da reestruturação que está sendo planejada pelo banco e que vai resultar em transferências e na abertura de novo Plano de Demissões Incentivadas, dirigido não somente aos aposentados, mas também àqueles que pretendem se desligar.

Gisa Bisotto, secretária Geral do Sindicato de Londrina, orientou os funcionários e funcionárias do BB a refletirem muito nos incentivos oferecidos antes de tomar a decisão.

“É preciso pensar muito antes de fazer a adesão, principalmente se for levada em conta a atual conjuntura do País, marcada por diversas incertezas e pelas dificuldades de retornar ao mercado de trabalho ou mesmo abrir seu próprio negócio”, pondera Gisa.

Na visita à agência Bandeirantes também foi feita a coleta de assinaturas no documento que pede o fim do fechamento de unidades do BB e valorização para o funcionalismo.

Dirigentes do Sindicato aproveitaram o contato para entregar aos funcionários a última edição do informativo "Prestando Contas", produzido pelos diretores eleitos da Cassi, a caixa de assistência do BB.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE