Sindicato de Londrina ingressa com ações sobre os reflexos da Ajuda Alimentação

O advogado Marco Aurélio Gonçalves e o diretor do Sindicato, Cesar Caldana, na Vara do Trabalho de Porecatu O advogado Marco Aurélio Gonçalves e o diretor do Sindicato, Cesar Caldana, na Vara do Trabalho de Porecatu
quarta-feira, 14/02/2018

O Sindicato de Londrina, através de sua assessoria jurídica, ingressou no mês de novembro de 2017 com ações trabalhistas contra o Banco do Brasil com o objetivo de requerer o pagamento dos reflexos legais da Ajuda Alimentação, em especial para os trabalhadores e trabalhadoras contratados até o ano de 1992 (ano de filiação do banco junto ao PAT - Programa de Alimentação do Trabalhador).

A ação ajuizada na Vara do Trabalho de Porecatu teve sua audiência inicial no último dia 6 de fevereiro.

Estiveram presentes o advogado Marco Aurélio Soares Gonçalves, da assessoria jurídica, e o diretor do Sindicato de Londrina, Cesar Caldana.

De acordo com Cesar, as demais ações que a entidade move contra o banco sobre o mesmo tema ainda não tiveram a primeira audiência agendada.

Para pesquisar o andamento do processo é preciso entrar no site www.trt9.jus.br e depois clicar em PJE. Após entrar em consulta processual, basta digitar o número completo do processo.

Vara do Trabalho de Londrina – Processo n. 0001510-24.2017.5.09.0019

Vara do Trabalho de Cambé – Processo n. 0001394-28.2017.5.09.0242

Vara do Trabalho de Rolândia – Processo n. 0002432-55.2017.5.09.0669

Vara do Trabalho de Cornélio Procópio – Processo n. 0000755-64.2017.5.09.0127

Vara do Trabalho de Porecatu – Processo n. 0003129-09.2017.5.09.0562

Fonte: Advocacia Scalassara

COMPARTILHE