BANCO DO BRASIL

Começa o segundo turno da eleição do Caref. Vote Débora Fonseca!

Débora Fonseca é funcionária do Banco do Brasil em São Paulo e tem o apoio das principais entidades de representação dos funcionários Débora Fonseca é funcionária do Banco do Brasil em São Paulo e tem o apoio das principais entidades de representação dos funcionários
sexta-feira, 25/01/2019

Começa nesta sexta-feira (25/01) o segundo turno da eleição do Caref (representante dos funcionários no Conselho de Administração do Banco do Brasil), que vai até a próxima quinta-feira (31).

Os Sindicatos do Vida Bancária, a Contraf-CUT e a maioria das entidades de representação dos funcionários e funcionárias do BB apoiam a candidata Débora Fonseca, militante de base do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região, que foi a mais votada no primeiro turno. O outro candidato é executivo do banco.

“Débora tem como objetivo trabalhar no Caref em defesa do BB enquanto instituição pública e essencial para o desenvolvimento do País, bem como atuar pelos interesses do funcionalismo em relação à valorização profissional, condições de trabalho e os direitos relacionados à Cassi e à Previ”, destaca Ivaí Lopes Barroso, diretor do Sindicato de Cornélio Procópio e representante do Vida Bancária na Comissão de Empresa dos funcionários do BB.

Veja abaixo as principais propostas de Débora Fonseca para atuar no Caref:

  • Defender o BB como instituição pública a serviço da sociedade
  • Contra o desmonte e privatização do banco e a venda de suas subsidiárias
  • Fortalecer o BB como principal instituição pública de crédito à atividade econômica
  • Consolidar e ampliar a atuação do banco como banco da agricultura familiar e do agronegócio
  • Contrapor aos processos de reestruturação que desorganizam o banco e prejudicam os funcionários
  • Rever a dotação das agências para oferecer serviços de qualidade à clientela
  • Ampliar o posicionamento do banco em todas as áreas de atuação das instituições financeiras
  • Melhorar a estrutura da rede de atendimento e ampliar a presença do BB em todo o País
  • Defender que o BB seja indutor da redução das taxas de juros, para baratear o crédito

A VOZ DOS FUNCIONÁRI@S NO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DO BB

  • Trabalhar pela valorização e reconhecimento dos funcionários
  • Por uma política de RH que respeite e dialogue com os funcionários
  • Por critérios claros, equânimes e democráticos de ascensão e encarreiramento
  • Defender as propostas dos funcionários no Conselho de Administração
  • Ajudar no combate ao assédio moral
  • Defender a Cassi e a Previ e sua extensão a todos os funcionários
  • Definir orçamento, acordos de trabalho e metas com a participação dos colegas de cada unidade
  • Defender políticas de equidade de gênero e igualdade de oportunidades para todos
  • Defender as propostas das funcionárias e funcionários no
  • Conselho de Administração

Fonte: Contraf-CUT

COMPARTILHE