Desmonte é tema de reunião do Sindicato com empregados da Caixa

Elizeu Marcos Galvão, presidente do Sindicato de Cornélio Procópio, falou aos empregados  a respeito do desmonte da Caixa Elizeu Marcos Galvão, presidente do Sindicato de Cornélio Procópio, falou aos empregados a respeito do desmonte da Caixa
quinta-feira, 16/11/2017

O Sindicato de Cornélio Procópio se reuniu nesta quinta-feira (16/11) com empregados e empregadas da Caixa Econômica Federal para discutir os sucessivos ataques que a instituição financeira vem sofrendo desde o início do governo Michel Temer (PMDB).

Foram feitos relatos a respeito do desmonte, dos estudos que estão sendo feitos para fechar agências e das ameaças de retirada de direitos dos funcionários, incluindo mudanças no Plano de Saúde e na Funcef, o fundo de pensão complementar.

“Alertamos a todos sobre a importância de construirmos um movimento de resistência contra essa reestruturação que tem como objetivo abrir o capital acionário da Caixa para que o governo se aproprie de um patrimônio que é do povo brasileiro. Transformar a Caixa em S/A significa abandonar os diversos programas sociais que hoje estão sob responsabilidade do banco e negar recursos destinados à população mais carente”, argumenta Elizeu Marcos Galvão, presidente do Sindicato de Cornélio Procópio.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE