Ato do Sindicato em Jandaia do Sul busca apoios contra desmonte dos Bancos Públicos

A atividade de quarta-feira (27/09) do Sindicato de Apucarana foi realizada na agência da Caixa em Jandaia do Sul A atividade de quarta-feira (27/09) do Sindicato de Apucarana foi realizada na agência da Caixa em Jandaia do Sul
sexta-feira, 29/09/2017

Dirigentes do Sindicato de Apucarana realizaram na quarta-feira (27/09) um Ato Público em frente à agência da Caixa Econômica Federal em defesa dos bancos públicos e denunciaram a política de desmonte destas instituições, que está sendo encaminhada pelo governo de Michel Temer (PMDB).

Durante a atividade foi distribuído material informativo aos clientes e usuários e recolhidos apoios no documento que exige a manutenção do papel da Caixa, enquanto agente de diversas políticas sociais, mais contratações e a suspensão do fechamento de agências.

“Não podemos deixar que esse governo acabe com a Caixa, o Banco do Brasil e os demais bancos públicos, pois estas instituições são o alicerce do desenvolvimento do País por meio da concessão de crédito para a produção, habitação e de diversos programas dirigidos aos brasileiros e brasileiras de menor poder aquisitivo”, ressalta Hermes Gonçalves, diretor do Sindicato de Apucarana.

Segundo Hermes, esta mobilização nacional também é estendida às demais empresas estatais, que estão na mira de Temer e grupos estrangeiros. Por isso, no dia 3 de outubro a CUT e outras Centrais Sindicais farão uma grande concentração no Rio de Janeiro em defesa da Eletrobras e da Petrobras.

Por Armando Duarte Jr. 

COMPARTILHE