Sindicato de Cornélio Procópio participa de manifestação contra PEC 55

Dirigentes do Sindicato de Cornélio Procópio e de outras categoria saíram às ruas contra a política de retrocesso Dirigentes do Sindicato de Cornélio Procópio e de outras categoria saíram às ruas contra a política de retrocesso
sexta-feira, 11/11/2016

Com faixas e cartazes, manifestantes percorreram as principais Avenidas da cidade

Elizeu Marcos Galvão, presidente do Sindicato de Cornélio Procópio, chamou a atenção para o risco de privatizações no governo Temer

Atendendo ao chamado feito pela CUT e outras Centrais Sindicais, a diretoria do Sindicato de Cornélio Procópio participou hoje (11/11) de uma grande manifestação, juntamente com dirigentes de outras categorias e lideranças de movimentos sociais, no Dia Nacional de Luta contra a aprovação da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) 55 e os cortes nos direitos da Classe Trabalhadora.

A mobilização também teve a presença de professores, técnicos e alunos da Universidade Tecnológica Federal, da Rede Estadual de Ensino e de representantes de outras entidades.

Manifestantes percorreram as principais Avenidas da cidade e encerraram a marcha contra o retrocesso no país em frente à agência da Caixa Econômica Federal e da Prefeitura Municipal.

“Foi uma atividade muito gratificante e importante para mostrar aos senadores e ao governo federal que os brasileiros e brasileiras não aceitam essa política de demonstre do Estado e corte dos direitos dos trabalhadores”, ressalta Elizeu Marcos Galvão, presidente do Sindicato de Cornélio Procópio.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE