Sindicato promove atos em defesa do Banco do Brasil e da Caixa

O alerta contra a privatização dos bancos públicos foi feito pelo Sindicato de Cornélio Procópio nesta quinta-feira (5/07) O alerta contra a privatização dos bancos públicos foi feito pelo Sindicato de Cornélio Procópio nesta quinta-feira (5/07)
quinta-feira, 05/07/2018

A atividade em defesa dos bancos públicos em Cornélio na agência do BB

Atendendo ao chamado do Comando Nacional dos Bancários e do movimento sindical do País, o Sindicato de Cornélio Procópio realizou na manhã desta quinta-feira (5/07) manifestações em frente agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal em defesa das empresas públicas brasileiras.

Durante as atividades foi distribuído material informativo produzido pela Contraf-CUT que aponta a importância dos bancos públicos e o seu papel enquanto agendes do desenvolvimento econômico e social do País.

“Este Dia Nacional em Defesa das Empresas Públicas é um alerta não só aos funcionários do BB e da Caixa, mas também para toda a população para que se juntem anos nesta luta contra o desmonte e entrega do patrimônio público a grupos privados nacionais e internacionais, como vem fazendo Michel Temer”, explica Elizeu Marcos Galvão, presidente do Sindicato de Cornélio Procópio.

Elizeu afirma que estão em risco nesse processo programas essenciais para as camadas mais carentes do País, como, por exemplo, o Minha Casa, Minha Vida, Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) e o Bolsa Família, além do financiamento à produção e à geração de empregos.

“Todos devem se conscientizar de que o Brasil precisa dos bancos e demais empresas públicas, que foram criados para o bem da população e não somente para gerar lucros, como quer esse governo”, ressalta.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE