Rodada da Mesa Bipartite de Igualdade de Oportunidades termina sem avanços

Contraf-CUT discutiu  questões relacionadas à diversidade sexual e identidade de gênero e defendeu mais contratações de PCDs na reunião da Mesa Bipartite Contraf-CUT discutiu questões relacionadas à diversidade sexual e identidade de gênero e defendeu mais contratações de PCDs na reunião da Mesa Bipartite
terça-feira, 18/07/2017

A terceira rodada da Mesa Bipartite de Igualdade de Oportunidades deste ano, realizada ontem (17/07), em São Paulo, entre a Fenaban e a Contraf-CUT, terminou sem avanços para a categoria bancária.

Os representantes dos bancos negaram a proposta de criação de Grupo de Trabalho específico para discutir as questões relacionadas à diversidade sexual e identidade de gênero, entregue pela Contraf-CUT na última reunião da Comissão, realizada no dia 15 de maio. Eles afirmaram ser desnecessária a instituição de mais um grupo, já que o tema faz parte da Mesa Bipartite.

Após nova colocação dos representantes dos trabalhadores, A Fenaban disse que vai analisar a possibilidade de uma campanha conjunta de combate ao preconceito sexual nos locais de trabalho. Eles ficaram de apresentar as ações que já vem sendo feitas pelo banco, no próximo encontro, para, a partir daí, pensar em novas ações conjuntas.

O movimento sindical apresentou proposta de um programa de contratação de PCDs (pessoas com deficiência). “Além da contratação, reivindicamos melhores condições de trabalho. Nós queremos também que os bancos cumpram o mínimo exigido pela lei, para que estas pessoas possam entrar no mercado de trabalho”, cobrou Mauro Salles, Secretário de Políticas Sociais da Contraf-CUT.

A Fenaban se comprometeu em dar retorno às reivindicações da categoria na próxima reunião da Mesa Bipartite de Igualdade de Oportunidades, agendada para o dia 19 de setembro. “Tanto na questão LGBT como o PCDs nós queremos ações afirmativas, que de fato mudem as dificuldades diárias que esses grupos passam”, afirmou Adilson Barros, diretor executivo da Contraf-CUT.

Fonte: Contraf-CUT

COMPARTILHE