VIDA DIGITAL

Santander é alvo de campanha contra o desrespeito aos brasileiros

Santander é alvo de campanha contra o desrespeito aos brasileiros
terça-feira, 14/07/2020

A onda de terror que se abate nos últimos tempos sobre os funcionários e funcionárias do Santander Brasil é tema da matéria de Capa da edição desta semana do Vida Bancária digital. O jornal abraça a campanha #SantanderRespeiteOBrasil, lançada pela UNI Global Union, Sindicato internacional, para denunciar a forma com a filial do banco espanhol no País vem tratando seus funcionários e funcionárias.

O Santander é o único grande banco que está demitindo em meio à pandemia do novo coronavírus e está impondo metas diárias de venda de produtos, além de manter as mensais, punindo com a perda do emprego aqueles que não atingirem a produtividade desejada.

Segundo informou a Folha Online, edição do dia 6/07, o banco alega que as demissões fazem parte de um ajuste natural na estratégia de competitividade no mercado. “Trocando em miúdos, o Santander Brasil quer dizer que pretende alavancar seus resultados enquanto os demais bancos estão agindo com cautela e cumprindo os compromissos firmados junto ao movimento sindical, de manutenção do emprego da categoria durante a pandemia e de não cobrar metas impróprias para o atual momento. Além do desrespeito aos bancários, o banco está sendo desleal com os concorrentes”, avalia Leonardo Rentz, diretor do Sindicato de Londrina e representante do Vida Bancária na COE (Comissão de Organização dos Empregados) do Santander.

Vote Chapa 1 nas eleições da Previ!

Na pág. 2, o Vida pede apoio dos funcionários e funcionárias do Banco do Brasil para eleger a Chapa 1 – Previ para o Associado, nas eleições para a Diretoria de Seguridades e os Conselhos Deliberativo, Fiscal, Consultivo do Plano 1 e Consultivo do Plano Previ Futuro.

A votação foi iniciada na segunda (13) e será encerrada no dia 27/07. Para votar na Chapa 1, acesse o site da Previ ou, se preferir, utilize o aplicativo da Previ no celular ou os terminais de autoatendimento. O pessoal da ativa pode votar pelo SisBB.

Leia também as principais deliberações do 31º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil e do 36º Conecef (Congresso Nacional dos Empregados da Caixa Econômica Federal). Os eventos foram realizados entre os dias 10 e 12/07, por videoconferência, e definiram reivindicações e estratégias de luta para a Campanha 2020.

Clique aqui para ler a edição digital do Vida Bancária. 

Campanha Nacional 2020

O destaque da pág. 3 da edição digital desta semana é a 22ª Conferência Estadual dos Bancários, também realizada por videoconferência no dia 4 de julho. Com a participação de cerca de 140 pessoas, a Conferência aprovou a delegação do Paraná que irá participar virtualmente do evento nacional e as propostas dos bancários e bancárias paranaenses para a Campanha 2020.

A 22ª Conferência Nacional dos Bancários será realizada nos dias 17 e 18/07, por meio eletrônico, definindo as reivindicações e estratégias de negociações com os bancos. A Minuta aprovada na Conferência será submetida à aprovação da categoria nas Assembleias virtuais realizadas nos sites dos Sindicatos até o dia 21 de julho.

Bradesco anuncia testes de Covid-19

Em mensagem enviada à COE (Comissão de Organização dos Empregados) no dia 6/07, o Bradesco anunciou a ampliação do número de agências no País nas quais os funcionários e funcionárias poderão fazer testes da Covid-19. O banco ainda não informou quando serão liberados os exames.

Mudanças de função dos caixas no Itaú

Matéria divulgada também na pág. 3, o Vida Bancária relata a reunião entre a COE e o Itaú para discutir mudanças na função dos caixas. Os dirigentes sindicais reivindicaram que todos os caixas que não tenham CPA-10 possam ter tempo para fazer a certificação e também cobraram respostas acerca do AGIR e outros programas de avaliação.

Ataque aos trabalhadores

Outra matéria importante do jornal desta semana aborda os vetos que o presidente Jair Bolsonaro fez no texto da MP 936, transformada na Lei 14.020, publicada na edição do dia 7/07 do Diário Oficial da União. Esta Lei regulamenta o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda, ela permite acordos de redução proporcional dos salários e da jornada de trabalho.

Por pressão das Centrais Sindicais e de parlamentares de oposição, foi inserido no texto da MP 936 que recria o princípio da ultratividade, com o qual as categorias profissionais podem garantir a manutenção dos direitos previstos nas convenções coletivas ou nos acordos coletivos de trabalho vencidos ou vincendos, salvo as que dispuserem sobre reajuste salarial e sua repercussão nas demais cláusulas de natureza econômica.

“Vamos pressionar novamente os deputados e senadores para derrubar esse veto do Bolsonaro, porque isso só interessa aos empresários. Sem a ultratividade não só os bancários, mas todas as categorias podem perder conquistas fundamentais em caso de impasse nas negociações da data base”, ressalta Rose Zanin, presidenta interina do Sindicato de Apucarana.

Eleições do Sindicato de Arapoti

Bancários e bancárias filiados ao Sindicato de Arapoti elegerão, do dia 21 ao dia 24/07 os integrantes do Sistema Diretivo da entidade para a gestão 2020/2024. A votação será realizada por meio de aplicativo disponibilizado no site do Sindicato.

Apenas a Chapa 1 – Sempre na Luta está inscrita neste processo eleitoral e tem o atual presidente da entidade, Carlos Roberto de Freitas, como candidato à reeleição.

Covid-19

Leia ainda na pág. 4 do Vida orientações para solicitar a emissão de CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho) em caso de contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19). O STF (Superior Tribunal Federal) já reconheceu que a Covi-19 pode ser caracterizada por doença do trabalho, o que leva as empresas a serem obrigadas a emitir a CAT para assegurar o afastamento do funcionário e seu acesso aos benefícios previdenciários.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE