Assaltantes agem com violência durante assalto ao Santander em Londrina

A quadrilha quebrou uma porta de vidro para acessar a parte interna da agência A quadrilha quebrou uma porta de vidro para acessar a parte interna da agência
sexta-feira, 04/05/2018

A marreta utilizada para entrar no banco foi deixada pelos assaltantes

Funcionários, clientes e vigilantes da agência Alto Higienópolis, do Santander em Londrina, foram surpreendidos na tarde desta sexta-feira (4/05), cinco minutos após o encerramento do expediente ao público.

Quatro homens invadiram o prédio, mirando metralhadoras para os vigilantes e com uma marreta quebraram o vidro que dá acesso à parte interna do banco. Apesar disso, os vigilantes conseguiram se abrigar em lugar seguro e acionaram a Polícia.

De acordo com Dirceu Quinelato, diretor do Sindicato de Londrina, duas funcionárias passaram mal e tiveram que ir para casa, devido aos momentos de tensão a que foram submetidas.

A quadrilha fugiu rapidamente e abandonou o carro utilizado na ação a poucas quadras da agência do Santander.

“O Sindicato solicitou a emissão de CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho) a todos os bancários e bancárias que estavam na agência, porque esse tipo de episódio deixa sequelas se não for tratado adequadamente”, afirma Dirceu.

Ele lembra que este assalto não foi o primeiro registrado em Londrina no qual os bandidos entraram nos bancos com marretas. “Isso demonstra que o movimento sindical está certo em cobrar dos bancos a colocação de vidros blindados para evitar ataque desse tipo e evitar tragédias”, ressalta.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE