Vem aí as eleições para os Conselhos do Santander Previ

Patrícia Bassanin Delgado  e Orlando Puccetti Junior têm o apoio da Contraf-CUT e da maioria das entidades sindicais cutistas Patrícia Bassanin Delgado e Orlando Puccetti Junior têm o apoio da Contraf-CUT e da maioria das entidades sindicais cutistas
terça-feira, 11/07/2017

Acácio dos Santos, diretor do Sindicato de Londrina e da Afubesp, durante atividade pela democraticação do Santander Previ 

Pela primeira vez na história do Santander Previ (antigo Holanda Previ) - fundo de pensão de mais de 40 mil funcionários do Santander - serão realizadas eleições democráticas e transparentes para uma vaga no Conselho Deliberativo e uma vaga no Conselho Fiscal. Importante destacar que foram oito anos de luta para conquistar esse resultado, que só foi iniciado porque  o banco foi obrigado a cumprir uma decisão judicial definitiva.

Acácio dos Santos, diretor do Sindicato de Londrina e também da Afubesp (Associação dos Funcionários do Grupo Santander Banespa, Banesprev e Cabesp) Regional do Paraná, avalia a importância de se ter representantes dos trabalhadores, tendo em vista que o Santander Previ vinha sendo administrado através de liminar conseguida pelo banco, sem a participação dos associados.

“Com isso, a gestão da caixa ficou centralizada com poderes exclusivos dos indicados pelo Santander, o que vinha causando uma série de prejuízos ao Plano, como por exemplo, a escolha inadequada de investimentos, dentre outras coisas”, aponta Acácio.
Para ele, é preciso eleger representantes dos trabalhadores para que se possam equilibrar as forças nas tomadas de decisões do fundo de previdência complementar.

“É, por isto que o Sindicato de Londrina, a Afubesp, a Contraf-CUT e a maioria das entidades sindicais apoiam a chapa formada por Orlando Pucetti Junior e Patricia Bassanin Delgado”, ressalta.

VEJA O PERFIL DOS CANDIDATOS

Orlando Puccetti Junior para
o Conselho Deliberativo

 

 Patrícia Bassanin Delgado para
o Conselho  Fiscal

 É formado em Administração de Empresas e possui 46 anos de experiência como bancário. Ingressou no  Banco Sudameris, sucedido pelo Banco ABN AMRO Real e posteriormente pelo Santander. Exerceu diversos  cargos de gerência tanto em agências como em departamentos da Direção Central. Durante 15 anos lotado na  regional de São Bernardo do Campo como gerente geral, foi eleito para diversos mandatos como dirigente do  Sindicato dos Bancários do ABC.

 

 Iniciou sua carreira profissional em 1991 no banco  América do Sul, adquirido pelo Sudameris, depois  Banco Real e Santander ocupando os cargos de  escriturária e assistente comercial. Entrou no meio  sindical em 1996, atuando por duas gestões como  conselheira fiscal do Sindicato dos Bancários de  Campinas e Região. É atualmente diretora de  patrimônio da entidade. Tem formação em  Educação Física na PUC Campinas.

 

A votação ocorrerá no período de 28 de julho a 3 de agosto de 2017, diretamente no site www.santanderprevi.com.br ou pela área restrita do site via link disponível no Portal RH do empregador.

Orlando Puccetti Junior e Patrícia Bassanin Delgado já lutam pelos direitos dos participantes há anos. Ambos foram, inclusive, integrantes do Grupo de Trabalho para debater as questões do Santander Previ com o banco.

COMPARTILHE